Complexo Luz e Alegria de Rádios
 
Visualizar o Arquivo de Notícias do Complexo Luz e Alegria Arquivo de Notícias  
Visualizar o Arquivo de Notícias do Complexo Luz e Alegria Notícias do Site Antigo  
Interativa Cresol  
Com o início do inverno, como você pretende se prevenir de doenças respiratórias?
Tomando a vacina
Tendo hábitos alimentares saudáveis
Fazendo atividade física
Evitando aglomeração de pessoas
Tomando medicamentos
geral  
 • Thaeme e Thiago na LA
Luz e Alegria  
 • Contatos
Ouvintes Online  
 Cadastro de Ouvintes
Usuário:  
Senha: 
 Cadastre-se... Esqueceu a senha? 
 Redefinir Senha do Site Antigo...
  143 Ouvinte(s) Logados no Momento
 + Antonio Carlos Rossi Keller
 1
 Ademir
 Adriana Pizzolatto
 adriano da silva
 Adriano José Werle
 Aldo Ghisolfi
 Alencar Luiz Osmarin
 alexandre siqueira de ramos
 ALEXANDRO WERLE
 alexsandro
 ALEXSANDRO BRAGA TROMBETA
 anderson leao do nascimento
 andréia jussarakist
 Andre Luiz Paludo
 arlei Quaraí
 ÉLITON
 érico matias zappani
 Carlos Bottura
 carlos pastre
 Célio da Silva Dias
 Charleston da Silva Pacheco
 Clair Claudio Memlak
 cristiano mazzardo
 Débora Lorca
 diana lazzari
 Diane Maria Zytkoski Mosfiak
 Edinaldo Darios
 EDINEI RECH
 Elane Ferreira Bocca
 Elisandra Cadore
 Elisangela Groto
 Elisete
 Eloi Trevisan
 estefan
 Estefania Mosfeak Wiechorik
 Evandro Zatti
 Fabiano Alberti
 fabio roberto klaus
 Fabio Zanella
 Fagner Rontani
 FARMACENTER
 Felipe Spies
 Fernanda Aline Ledur
 Fernanda Grapiglia
 Gabriel Manfroi
 Gauderio Romani Filho
 Gelson Santos
 GENI BILDHAUER DOS SANTOS DE LIMA
 Geovani Coldebella
 gerson moeller
 Giancarlo Panosso
 Gilberto Urnau
 Gilmar de Macedo
 gilson bevilaqua
 GILSON MANFIO
 Giovani Minuzzi Garlet
 Giovani Regis Bertoldo
 Gisele monteiro
 GLAUBER ALBERTO BRUSTOLIN
 Guilherme Perlin Buzatto
 gustavo de souza
 Hedi
 HENRIQUE SCHWANTZ MARCON
 Igelso Cerutti
 iguarau ricardo da silva
 ilogwfuonogm@dropmail.me
 IVETE PONCIO
 jailse Fonseca
 JAIME LUIZ TRANQUILO
 jessica da silva somavilla
 Joao Donarto Dalferth
 João Carlos Bresolin
 jocemar haiduk
 jonas alves
 José Augusto Calheirão.
 jovane da rosa
 Juliana Gomes
 Junior Bononi
 Junior Vagner Da Silva Rodrigues
 Lais Danielli Botelho
 Leocir Busanello Botton
 Liciane Borges
 Luiz Felipe Gemelli
 Marcelo do Prado Lottermann
 Marcia Cargnin Piovesan
 marcieli popik
 Marcio Balzan
 marcio guerra
 marcio tolardo
 Marcos Felipe Alban
 marcos marsal mulinari
 marcos rissi
 Marcos Xavier dos Santos
 Mariléia Becker
 MARLENE LINDEN
 Moacir Langaro
 Nereu Eger
 Nilcéia Borges
 nilson engel
 Nilson Quadri
 Paulo
 Paulo Roberto Frison
 Pe. Evandro Lazzaretti
 Pe. Mauricio Karpinski
 Pedro Paulo Moskfiak
 PHAMELA BONOMETTI
 Roberto Velasques
 RODRIGO HOELSCHER
 Roggia Bar
 Ronaldo coelho de oliveira
 Rosane
 roseli
 ROSELI LOTTERMANN
 Samuel Waechter
 Sandro Roberto Vendruscolo
 SIDINEI ROMITTI
 Simão Henrique Rubik
 Sirlene Schneider
 Souza, Álvaro de
 tatiana donato
 Tatiane Rossoni
 Thiago Sponchiado
 Ueslei Lopes
 valdir.pertile
 Valnei Luiz Rubert
 Verci Santos
 Vinicio Anschau
 VIVIANE DE ALMEIDA LARA
 Volnei Stasiak
 VsCosmeticos
 Willian André Buenos
Aniversariante(s) do Dia  
Não Existe Ouvintes de Aniversário hoje...

Previsão do Tempo  
Últimos Audios  
Webmail  
E-mail:    
Senha: 
Galeria de Fotos  
Expofred 2016
Expofred 2016
VER TODAS AS GALERIAS
Jornal da LA  
VER TODAS AS EDIÇÕES
    -  
MEC determina fim do Enem por escola e prova irá focar na seleção do ensino superior
  MEC determina fim do Enem por escola e prova irá focar na seleção do ensino superior
Notícias - Educação
Notícia postada em 12/03/2017 - 09:07:31 ( 107 Visualizações )

O Ministério da Educação (MEC) anunciou nesta semana medidas que fortalecem o papel do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) apenas como prova de seleção para o ensino superior. Este ano, o exame deixa de certificar o ensino médio. Além disso, a pasta decidiu não mais divulgar os resultados do Enem por escola.

Até o ano passado, os estudantes com mais de 18 anos poderiam usar o desempenho no Enem para receber o diploma do ensino médio. Para isso precisavam alcançar pelo menos 450 pontos em cada uma das áreas de conhecimento das provas e nota acima de 500 pontos na redação. Cerca de 11% dos inscritos conseguiam esse resultado anualmente e obtinham a certificação.

Agora, a certificação será feita exclusivamente pelo Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja), aplicado atualmente no Brasil e no exterior. “É o exame adequado para este fim”, diz a presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), Maria Inês Fini.

A pasta também decidiu pelo fim da divulgação do Enem por escola, que até o ano passado era divulgado no segundo semestre do ano seguinte à aplicação do exame. A intenção era que as escolas tivessem acesso às informações sobre a atuação dos estudantes nas provas do Enem e pudessem reforçar o ensino em determinados conteúdos. As escolas tinham poderiam conhecer as médias de qualificação dos candidatos, assim como a porcentagem de estudantes participantes e o desempenho deles em cada uma das provas.

Segundo Mendonça Filho, as informações geram rankings e são utilizadas pelas escolas como "propaganda falsa". "O Enem não é um exame que possa permitir avaliação adequada de cada unidade escolar, e quando se faz propaganda utilizando um ranqueamento indevido a partir de uma prova como essa, está se fazendo propaganda enganosa, e o MEC não pode convalidar esse tipo de comportamento", disse.

Para medir a qualidade das escolas, a pasta passará então, a partir deste ano, a usar o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Básica (Saeb). Agora, todas as escolas públicas e privadas, que ofereçam ensino médio, serão avaliadas. Até o ano passado, a avaliação da etapa era feita por amostragem, ou seja, apenas alguns alunos faziam o exame. Cada uma das escolas passará então a ter o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) calculado.

A polêmica do ranking

Por ser de fácil compreensão por parte do público, o ranking começou a ser amplamente explorado sobretudo nas primeiras divulgações dos indicadores por escola principalmente pela imprensa. O problema é que os ranqueamentos não raro comparavam escolas em situações socioeconômicas diferentes e que tinham, por exemplo, diferentes índices de participação no Enem. Como não se trata de uma avaliação obrigatória, algumas escolas com poucos participantes acabavam sendo comparadas a escolas com mais participantes, o que influenciava nos resultados.

Ao longo dos anos, no entanto, o Inep buscou qualificar a análise, incentivando comparações entre escolas inseridas em um mesmo contexto. Outros indicadores passaram a ser divulgados para apurar a análise do desempenho das escolas, como a permanência dos alunos durante todo ou parte do ensino médio e a formação dos professores. No ano passado, o próprio Inep propôs rankings alternativos. (Agência Brasil)

Lucas Faustino/ LA


Para Comentar e Visualizar os Comentários da Notícia é necessário estar Cadastrado no Site.


Complexo Luz e Alegria de Rádios - Fundação Monsenhor Vitor Batistella - Rua Tenente Lira, 950, cx. postal 74 - Centro - CEP: 98400-000
AM 1160: Fone: (055) 3744-3500 -- FM 95.9 Fone: (55) 3744-3700